quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Já é Outono!




A "História de uma Árvore"

Num campo lá duma terra longínqua, abundavam os cardos. Era uma terra boa e exposta ao majestoso Sol. Mas eram poucos e descuidados os que tratavam da terra para lhe dar uma melhor plantação. E aconteceu que, em tão boa terra, sob esse Sol tão amável, se criou uma árvore, que prometia dar profíquos frutos. E mal o Verão chegou, logo eles se penderam, túmidos e dourados, em ramos folhosos, bem ricos e cheios.
Assim que viram a árvore generosa no campo dos cardos, acudiram os homens esfomeados. Mas, um deles avistou no chão, junto ao tronco, uma lagarta a arrastar-se e disse para os outros:
- Olhem, esta árvore naturalmente tem lagartas!
E todos os que ouviram essa observação, foram dizer a muitos mais:
- Aquela árvore é bela, mas tem lagartas!
E estes ouviram e foram dizer aos vizinhos:
- Os frutos daquela árvore não são bons porque têm lagartas!
A notícia espalhou-se e quando finalmente esqueceu, já o Sol tinha feito muitas idas e voltas no nosso Céu. Passados assim tantos dias, os homens olharam melhor para a árvore, fartos que estavam de discutir o assunto. Todavia, os frutos já tinham caído! As folhas ficaram amarelas! 
Estava-se agora num doce e calmo Outono. E ninguém aproveitou os frutos, que entretanto tombaram no campo dos cardos e só a terra os absorvia, já podres.
Então os homens lastimaram-se, concluindo que afinal, a árvore não tinha lagartas!

Moral desta história:

Há homens que valem e que têm, tal como aquela árvore, frutos bons para dar (Amor)... mas nos quais outros homens, que nada oferecem, só vêm lagartas, ou seja, inventam "engenhosos motivos" para os por de lado (na vida). E ao redor, há sempre quem não sabe ver ou não quer ver (a Verdade)!

Aquele Abraço

Sem comentários:

Publicar um comentário