domingo, 20 de dezembro de 2015

REFLEXÃO...

porque tu me ouviste!



O que dignifica o Homem no mundo vivo, não é a subordinação à Natureza, aos instintos, mas o esforço para superar aquela e estes, no culto dum ideal supremo de perfeição espiritual.
Viver não é vegetar, não é ser escravo desprezível das paixões e da animalidade, mas sentir, pensar e agir numa constante aspiração de Amor, Paixão, Verdade e Justiça!

Obrigado!

A. A. Mendes Correia 

Sem comentários:

Publicar um comentário