sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

5ª Edição da Matança do Porco (5)

Freguesia de Mondim de Basto 2011

Ditos populares sobre o tema «porco»:

1) «Das carnes, o carneiro, das aves, a perdiz e sobretudo a codorniz...mas se o porco voara não havia carne que lhe chegara»

2) «Quem tem porcos tem chouriços e presuntos»

3) «Rico como um porco»

4) «Queres conhecer o teu corpo? abre ou desmancha o teu porco»

5) «Homem e porco só dá lucro depois de morto»

6) «Lavar o focinho a porcos, orelhas a burros, pregar a padres e converterjudeus, é tempo perdido»

7) «Leitão de mês, cabrito de três, mulher de dezoito, homem de vinte e três»


POESIA DE MONDIM

BAPTISMO

A luz filtrada sobre o espelho das águas,
Decompunha-se em feixes radiantes dum arco-íris
Cadente,
Rasgando o vazio,
Como se fossem línguas de fogo que viessem pousar
De repente,
Sobre os corpos bronzeados,
Que emergiam
Do Rio.

Poema de Luís Jales de Oliveira

Sem comentários:

Publicar um comentário