sexta-feira, 20 de julho de 2012

Faleceu José Hermano Saraiva



É com pesar que Portugal recebe a notícia da perda deste talentoso historiador da nossa Nação.
Jamais esquecerei tudo aquilo que aprendi, vendo e ouvindo na televisão os seus programas culturais e educativos, como: HORIZONTES DA MEMÓRIA, A ALMA E A GENTE,  e alguns episódios de O TEMPO E A ALMA e GENTE DE PAZ, para não falar de outros e várias entrevistas, como O HOMEM É O MUNDO, etc.
Era um vulto da comunicação, mas não gostava dessa critica. Alguém disse que ele era como o vinho do Porto, quanto mais velho melhor, mais apetecível e saboroso.
Para mim e no que respeita à nossa história, era a SABEDORIA e um ENORME FASCÍNIO a falar.
Na sua última entrevista dizia... «Sou um velho falador e já vivi demais... devia até ser proibido viver tanto».
Medo da morte?
- Não, não tenho medo. Julgo que não dói !?... É um adormecer!...

Professor, descanse em Paz.
E ficará sempre na nossa memória, conforme seu desejo:

A FALAR... A FALAR... A FALAR...    

Eu sou devedor à terra
E a terra me está devendo;
A terra paga-me em vida,
Eu pago à terra... morrendo!

Popular

Sem comentários:

Publicar um comentário